Esperar sair o listão do vestibular e torcer pra que o nome dela esteja lá.

Ficar P da vida quando acaba o crédito do celular e não pode mais ligar pra ela.

Não guentar mais de tanta saudade quando ela faz aquela viagem de 15 dias.

Acordar de manhã e lembrar do quando foi boa a conversa da noite passada, e ficar repetindo na memória, compassadamente, cada trecho da conversa.

Tirar dezenas de fotografias de um encontro entre amigos, mas no final só algumas realmente interessam.

Ficar engasgado no silêncio por não saber o que falar.

Ir ao show da Aline Barros por um motivo muito maior que o próprio show da Aline Barros.

Olhar pra tudo e não ver nada ao mesmo tempo.

Visitar frequentemente o site da Cacau Show na tentativa de se tornar um expert em chocolates.

de repente se dar conta de que o dia já está nascendo.

Esse post está num processo de mutação, assim como quem o escreveu, portando sempre colocarei mais uma frase aqui.